Chamado à consciência do Ser e do Existir

E se fosse possível habitarmos em Cristo a partir de novos estados de consciência?

(Mensagem da espiritualidade em 19.07.21)

 

Quanto mais de consciência podemos ser no mundo?

Quão conscientes podemos ser de todos os espaços que podem ser por nós acessados por simplesmente estarem disponíveis na Criação?

Quantas oferendas ao Deus Primeiro, Pai e Cristo Soberano, podemos viver honrando Sua Magestade?

E se o caminho estabelecido por Cristo em Sua Magestade Quântica e Multidimensional nos elevasse a tal estado de graças para a cocriação de nós mesmos?

E se as rupturas para novos estados interiores requeressem de nós apenas a imersão neste Imenso Universo Quântico que cada um de nós já é e todos já somos?

Apresentai-vos diante do Altíssimo e fazei vossas oferendas de si mesmos em prol de um mundo melhor.

Quantos espaços ainda podem ser acessados por estarem disponíveis em Sua Unidade Crística, estamos negando a nós?

E se reconhecer Jesus desta forma nos lançasse para outras esferas de pertencimento e união com Ele?

E se o Deus, Pai Criador, descesse a se revelar desta nova forma, sob novos horizontes multidimensionais às suas almas?

O que estaríamos deixando de avançar neste grande espaço de criação em que nós também somos?

E se o olhar aos nossos irmãos nos fizesse ainda mais gratos por em Cristo habitarmos, como razão de ser e pertencer a um Todo Ainda Maior?

Quanto estaremos deixando de avançar nossas próprias almas regidas pelo ser infinito* que somos, ao estagnar nossas vistas em condicionamentos limitantes e paralisantes?

E se o amor a nós mesmos pudesse emergir em nossas almas nos convidando a uma comunhão ainda mais perfeita com a Fonte Criadora - que se estabelece Princípio Universal?

Quanto estaríamos deixando de nos amar e de pertencer a estes novos estados de graças ao renunciar todas as diferenças em prol de Uma Só Unidade?

Irmandade Cósmica, Princípio da Criação, Adoração permanente em estado de graças ao Deus do Infinito.

Abundância, Prosperidade, Maestria, comunhão de forças, acesso a novas realidades espargindo por meio delas o Grande Amor de Deus?

Esta mensagem está destinada a elevar e dignificar sempre.

O princípio da separação está criado e se estabelece nas mentes humanas.

E se pudéssemos deixar por uns instantes a mente para nos deixarmos ingressar na natureza do espírito?

E se a Consciência que Rege Todos os Processos pudesse ser um convite para abarcarmos uma maior capacidade em nós mesmos?

E se tudo que nos eleva e dignifica já estivesse disponível na Criação, bastando apenas ser acessado por um valoroso movimento de nossas vontades, que nos convida a renovar tudo o que pode ser renovado, cocriando sobre o já criado, nos libertando de estados inferiores e que nos aprisiona no medo, dúvida e culpa, para que vivamos para além disto, nas esferas da consciência?

O que será requerido de cada um de nós ao aceitarmos este grande chamado que transmuta o velho no novo, abrindo às nossas frentes espaços quânticos até então inimaginados?

Quanta consciência e presteza serão requeridas para aprender e caminhar por estas novas vias, expandindo as capacidades do ser multidimensional que somos, lançando-nos para fazer o que se requer em íntima comunhão com nossos corpos* - que Já Estão em Deus?

E se acessar estas maravilhas já estivesse a nós disponíveis, o que se requereria de nós fazer no dia de hoje?

Buscar espiritualidade, comunhão com o Princípio da Criação e com a Fonte Primeira, acessando estes movimentos da nossa vontade que Já existem em Cristo. Não um Jesus dogmático e arbitrário, mas soberanamente Bom, Justo e Pai Alentador.

Sob quantas esferas de criação da raça humana podemos habilmente habitar em Cristo Jesus, recebendo através de Sua Magestade o Valoroso Sopro da Vida?

Para quê evitarmos ser por este Mesmo Cristo conduzidos, nos deixando penetrar em novos estados e espaços de consciência para sermos regidos pelo Mesmo Princípio Universal?

A mensagem de antes é a mesma de hoje: Apresentai-vos todos diante de Cristo permitindo que Ele vos conduza.

Aquele que é Grande, sempre será cabendo de nós as devidas honras.

Acessarmos a honra que também se faz em nós enquanto seres infinitos* nos enlaça numa Só Unidade Cósmica, Quântica e Multidimensional.

*Conceitos utilizado por Gary Douglas, fundador do Access Consciousness®